Fode me fode.

Fode me fode
Já tira toda minha paz
Linha de raciocínio
Já não dura mais
Ah se eu pensasse tudo que me convém
Meu bem eu tô perdida
E dessa laia você não vai me tirar
Tô na zona, no bueiro da minha mente
Sinto muito
Já não posso mais voltar
Tô caída, profunda
No meio desse lixo todo
Dói bastante ao perceber
Que tudo isso sou eu
Dor também que aparece
Gastrite, rinite e mais vários ites
Engraçado é tentar espairecer
Como desmoronar é fácil com ela
Basta um estresse eu passar
Porra, já era
Domina toda e qualquer veia do meu corpo
“Famoso cancer mal adaptado”
Que vem
Suga
Cega
E some
Fode me fode

Pior que um estuprador
Que me nega prazer
Sinto muito te dizer
Tô tipo na esquina
Daquelas de prostituta
Sou a própria
Que não vê saída
É tanta coisa ruim envolvida
Que uma boa já é motivo de riso
Do fode me fode
Agora sou puta
Daquelas que dá sem nem sentir
“Só não me bate, do resto, eu faço bem”
Do fode me fode
Agora sou submissa
Faz o que quiser
Só não piora o que você já criou
Sair daqui? Eu nem tento mais
Já desisti
Difícil demais
Tá doendo
Não me controlo
É mais fácil desistir
Criei coragem
Do fode me fode
Agora sou suicida.

Até a próxima escrita!

-TRACA.