O show imita a arte

Temos futuro
Futuro na arte
Coloque uma criança no mundo artístico
E veja florescer
Não corte as asas
Fuja daqui, enquanto ela ainda é feliz

Erramos hoje
E talvez precisemos apanhar um pouco
Plantamos um hoje
Quem sabe amanhã já nasce de novo
Uma plantinha bem bonita, por favor

Amor é o que pode salvar
Será?
Vagamos no meio do mar
Mas com o estado da terra
Prefiro continuar a vagar

Olho pro filho do vizinho
E crio esperança
Penso que se o mundo já estivesse como deveria
Talvez eu e outros fossemos a salvação
Mas não

Quando o medo de ir pro inferno deixa de afetar os crentes
E arminha com a mão vira alvo de manifestação
Deveríamos correr?
Vender a corrida pela democracia
“Ele não”

Aproveitar enquanto posso dançar
Em meio a códigos e passos
Vou improvisar
E no meio do meu teatro
Na dor, vou silenciar

Até a próxima escrita!

-TRACA.