O amor

É aquilo que nos abraça e nos faz sentir vivo.

É o que faz queimar meu coração,

e tem todo meu vínculo afetivo.

É o companheirismo.

Aquilo que nos estende a mão,

e nos tira todo sentimento de perigo.

É a sensação de pertencer,

de ser e de querer.

É olhar nos olhos, e sentir que a imensidão

não chega perto daquilo que tem em meu coração.

É poder dividir, somar e multiplicar

mas nunca subtrair.

É como a brisa da manhã, tão leve e doce

e sem perceber, invade nosso ser.

Afinal o amor, tantas discrições a ter,

mas na verdade, só tem aquele que sabe ser.

Oieee gente, esse poema é de minha autoria, e eu senti imensa vontade de compartilhar com vocês. Eu escrevi ele quando estava com o peito apertado, e naquele exato momento a única vontade que existia dentro de mim, era transcrever em palavras tudo o que meu coração sentia.

Beijinhos, com carinho, Laks.

6 comentários em “O amor

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s