Amor próprio é o Ponto de Partida!

584 [Convertido]-01.jpg
ART E TEXTO POR BAILARINA; @napontadospes693885424

Hey meus Bailarinos de plantão, demorei mais trouxe um texto direto da minha sapatilha de ponta pra vocês, estarei mais presente a partir de agora.

Um Beijo da Bailarina para vocês ♥

**

Não  precisamos ficar esperando para ter algo ao qual possamos lembrar, a vida é  feita de momentos, infinitos momentos.

Nunca fui de acreditar em contos de fadas, afinal Fadas nem existem porém  sua magia sempre vai existir não  importa o tempo que passe, somos feitos de várias  peças que estão  perdidas por aí,  só  temos que creditar que um hora elas vão  voltar para nós.
Nessas horas só  podemos esperar te  que caso peça  esteja em seus devidos lugares,  para que possamos começar  um novo livro, uma nova página, uma nova oportunidade.   Oportunidade  pra ter novos sorrisos, novos momentos, novas esperanças; mais de conversas sem sentido com pessoas que nos faz rir de coisas bobas como o porquê  da mostarda ser amarela  e o ketchup  vermelho.  Ou por quê  alguém  feriria outra pessoa que é  uma flor na terra, porém  a vida tem desses jogos injustos. Nada que um pouco de vodka  não  resolva ou dê uma bela de uma ressaca.
Porém  se fôssemos  pensar que estamos sempre preocupado, o que nos restaria de alegria no final do dia? E vamos concordar que não  existe pote  de ouro algum no final do arco íris, só  um bando de duendes  com várias  incertezas, só  não podemos deixar isso nos dominar, porque aí  sim será  o nosso fim.
Vamos sempre ter que fazer novos planos, passar por novas experiências e construir  cada vez mais nosso castelo com as pedras que nos foram sendo atiradas ao longo do trajeto, é  como um longo trem, cada vagão  guarda um certo tipo de experiência.
Temos  que guarda em nosso íntimo  as essências  que adquirimos ao longo do tempo e não,  o tempo não  cura nada e se você  não  arrancar o band-aid de uma vez, vai ficar  sempre se lamentando.
Vai doer no início mais depois  você  poderá  bater as asas para onde quiser.
No  vou parar por aqui, porque ainda tenho muito o que falar e acredite cada palavra é  uma flor esperando para desabrochar de um jeito único  e especial.
Conte seus planos,medos e amores para o vento, cante flores, grite risos, chore esperança  e  doe mais de si mesmo  a cada nova estação,  planeje sua alegria.
Deixe que a chuva te molhe, ouça  e sinta, crie expectativas, sonhe alto, dance, chore e interprete. Não  passe por essa pausa que é  a vida sem fazer algo de emocionante, não  viva monotonamente, transforme essa pequena  estadia nas suas melhores ações, plante, desmaterialização e replante, não  se prenda em estação  alguma, sorria para o vento que toca o seu rosto e para as estrelas  que estão  acima de você, caminhe e corra atrás daquilo que te faz bem.
Ganhe, guarde e use o melhor que oferecerem, monte  brinquedos, histórias, álbuns  e você. Recorte retalhos, sonhos e aventuras, costure colchas, meios e fins, o começo  deixamos pra depois.
Traça  linhas imaginárias, siga borboletas, suba colinas, tenha quedas de penhasco, arrisque-se, transforme loucuras em objetivos, sonhos em realizações, futuro no hoje é o hoje no ontem, não  espere para que possa ter oportunidade.
Lute, conquiste e faça  por você,  amor próprio  é  o ponto de partida  para qualquer esperança.
Olhe nos olhos, beije nos lábios, passe horas conversando ou apenas admirando, pinte o sete, o oito e quantos  números  quiser, sinta abraços,  estude caretas, tire fotos, grave momentos, coloca tudo numa caixa, numa carta, em você.
Toque violino, piano ou pandeiro, seja irritante,  especial, único,  complique, descomplique e implique.
Encha balão,  saco ou sacola, aperte bochechas, carregue nas costas ou no colo, arranque risadas, puxe o pé, assuste.
Tenha paciência, raiva e amor, transforme a dor em alegria, dance na chuva, no sol ou em meio a espinhos, não  esqueça a capacidade de sorrir, construir e destruir.
Não finja orgasmos, sentimentos e amores, não  tenha vergonha de ser diferente e de se expressar.
Não  sofra por algo que não  deu certo, afinal é  como uma roda gigante,  uma hora lá encima e inerte, outra lá  em baixo e desafiante, o importante  é saber apreciar a vista de ambos lugares.
Aprecie o céu em momentos
turbulentos e as estrelas quando tiver feliz, crie canções, interprete  sua própria  peça.
Transforme  nuvem sem graça em animais  que só  você  consegue vê.
Crie segredos, planos e se desafie em cada momento que tiver disponível.
Desista da coisas que te faz mal, ninguém  merece sofrer, tenha uma overdose de felicidade e de doces.
Não  se limite só  porque alguém  disse que não  ia dar  certo, se fosse por isso Einstein teria desistido na primeira  tentativa , e olha que ele tentou 100 vezes.
Se o plano A não  deu certo, você  ainda pode tentar as outras 25  letras do alfabeto.

 

2 comentários em “Amor próprio é o Ponto de Partida!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s