Desmoronando…

Desmoronando

“São dias tão cinzas, que até raios e trovões teriam medo de cair”

Dentro de mim existe um vazio, não sei exatamente o que houve, já faz alguns dias que choro no escuro tentando entender o que está acontecendo, mas falho, como um pequeno inseto preso em uma teia de aranha, fracassado e sozinho, prestes a morrer.

Meu corpo inteiro dói, se levantar da cama tem se tornado um sacrifício, mas mesmo assim levanto e tomo meu café, ao me olhar no espelho vejo a pele pálida, na qual um dia já existiu cor, meus olhos cada vez mais fundos, cansados, pedindo socorro. Fico a me perguntar quem sou eu, será que ainda me conheço? Mas nunca sei a resposta.

Alguns dias são bons, menos dolorosos, mas a maioria têm sido cinza, são dias tão cinzas que até raios e trovões teriam medo de cair, de onde vêm essa angustia, gostaria de saber.
Para este corpo que dói parece não existir remédio, basta apenas um sopro e tudo parece desmoronar.

Os lugares têm ficado menores, as pessoas falam mais alto, a falta de ar invade meu peito, não consigo respirar, apenas sinto pânico e travo, novamente sou o inseto insignificante preso na teia da aranha.

São dias difíceis, mas tento melhorar, juro que tento, mesmo estando à desmoronar. Torço para que essa ansiedade vá embora, quero apenas fica bem, tenho sido grossa e insensível, descontando tudo nas pessoas que amo, sei que tenho sido um peso, mesmo que não digam, eu sinto que os machuco, mesmo que sem querer, e isso faz eu me sentir pior, quero voltar a ser uma boa filha, uma boa amiga e uma boa namorada, me sinto tóxica, deixando cansado todos aqueles ao meu redor.

Meus sonhos parecem distantes, já não sei mais o que é real, não sei se estou dormindo ou tendo um pesadelo, tudo parece igual, será que estou ficando louca?

Espero que tudo passe, assim como tudo começou… Espero voltar a viver de verdade, sem medo, sem dor, sem essas incertezas, e com todas as minhas dúvidas resolvidas…
Espero ser eu mesma novamente.

~Thay


Desenho Autoral – Todos os Direitos Reservados.Artista:
Byanka G. Nunes.


Oi minhas Luas, vocês se lembram da Thay? Hmmm… Deixa eu ajudar vocês a se lembrar… Nós duas, criamos a categoria que vocês mais amaram, Mês Halloween, se lembram? É isso mesmo, esse texto é dela… Ela ainda está por aqui, quem sabe não vem mais posts dela e novos projetos nossos.

Eu quero agradecer todo o carinho de vocês, por sempre estarem acessando o blog, vocês são incríveis. Eu sou grata a todos!

Beijinhos da Mila! Gratidão!