Conto – Nem Tão Princesa – Parte 2

Meses se passaram e ninguém havia tido êxito nessa missão, a floresta era obscura, traiçoeira e perigosa demais para os fracos, enquanto isso, Diana em seu castelo nada sabia do que ocorria fora de seus muros. O boato de que uma donzela estaria em apuros em um castelo distante, e que o homem que a salvasse e levasse de volta para o rei Edgar se tornaria o novo rei, se espalhou como uma praga, atravessou províncias, continentes e outros reinos, onde aumentou a procura pela bela jovem, mas a floresta ainda era o maior desafio a se enfrentar, ela rodeava todo o castelo e só os mais espertos conseguiriam sobreviver.

Era uma noite sem lua, escura e tenebrosa, quando um homem finalmente chega ao castelo, encontrou uma forma de passar pela floresta vivo, mas agora esse não era o único problema que ele iria enfrentar.

Ele abriu violentamente a porta principal e começou a explorar o com a reta guarda levantada, pronto para qualquer coisa, ou quase qualquer coisa. O castelo era enorme, com grandes paredes e portas exageradamente grandes, ele se perguntava que tipo de perigo ela corria, pois, sua morada estava vazia, sem guardas, cães nem reptes. No instante seguinte ouviu um rugido ao longe, será um leão, mas não poderia, o rugido estava cada vez mais próximo, ele então se virou e viu um enorme dragão com escamas esverdeadas, ele hesitou, se encheu de coragem e o atacou, em um minuto ele virou churrasco, como uma onda de chamas o dragão contra-atacou deixando seu oponente completamente em chamas. Em poucos minutos, Diana aparece descendo as longas escadas se perguntando o que havia ocorrido, de seus aposentos pode ouvir o estardalhaço provocado pelo seu invasor, ela olha o mesmo sem movimento algum caído no chão ainda com as chamas o consumindo, e um cheiro podre começou a tomar o lugar.

Ela furiosa grita com seu dragão:

– Caton, quantas vezes terei que dizer? Não é para queimar nada dentro do castelo, olha o cheiro que fica, ele não vai sair por semanas – o mesmo abaixou a cabeça e pareceu entender bem o que havia feito, ela olha para o corpo ainda em chamas e grita – Justine, traga um balde d’água – em pouco minutos a mesma aparece e joga água nas chamas, logo depois retiraram o que sobrou do corpo carbonizado, ela olhou para Caton e falou séria – Que isto não se repita.

Mas se repetiu, outras muitas vezes, homens começaram a aparecer em seu castelo, invadindo e tentando matar seu dragão, nada daquilo fazia sentido para ela, seu castelo nunca teve visitantes, ela nunca vira tantas pessoas, tantos homens em sua vida como está vendo nos últimos meses.

Em um dia, cansada disso tudo decidiu que o próximo que surgisse ali, com as mesmas intenções dos anteriores, ela iria interroga-lo antes de tomar qualquer outra decisão, e em poucos dias apareceu um jovem muito ferido, aparentemente sua viagem havia sido muito prejudicial ao mesmo, tinha uma grande feria em seu ombro esquerdo, ela o colocou em um quarto não destruído pelo tempo, e ajudou a se recuperar, ele estava desmaiado, no instante que acordou ela estava sentada em uma cadeira a sua frente, ela começou:

– Quem é você e o que faz em meu castelo? – ela estava muito curiosa, furiosa e séria, ele olhou ao redor confuso, pigarreou e falou em seguida:

– A senhorita é a donzela em perigo que reside neste castelo?

– O que isso lhe interessa – esbravejou, ele pareceu surpreso ela continua – Que história é essa de donzela em perigo? – ele ainda com confusão responde:

– Um rei chamado Edgar, colocou sua mão em casamento para aquele que a levasse de volta a seu reino e que se tornaria o novo rei.

– Edgar fez o que?

continua…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s