Somos Feitos de Ciclos.

Resultado de imagem para imagem de passaros voando tumblr

Somos feitos de ciclos.

Uma infinidade de ciclos, alguns mais curtos, outros mais longos e até arrisco dizer que temos uns medianos, no meio disso tudo. Podemos nos comparar a belas flores que ainda não tiveram seu devido valor ou quem sabe não foram notadas apesar de serem lindas e terem uma essência tão única quanto sua própria existência.
O fim de um ciclo e o início de outro é como uma pequena estrada cheia de buracos que tentamos em vão concertar, quando sabemos muito bem que temos que mudar o trajeto, em vez de continuar em um caminho onde, a cada esquina que você vira, você cai dentro de um buraco, é querer navegar em pessoas rasas, quando se é o próprio mar, além, de querer admirar em vão o sol dos outros, quando se odeia o seu próprio reflexo, uma dica: Não se pode fugir do próprio reflexo, por mais que queira.
Entre enchentes de auto piedade e falta de coragem, por que não sacudir a poeira dos pés e quem sabe até mesmo da alma ? Abrir os olhos que são as ditas ” janelas da alma” para avaliar o jardim que há dentro de você?

Não adianta admirar as flores dos outros, quando se menospreza as suas próprias raízes.
Sacode o pó que manchou seu rosto e borrou sem sorriso.
Se veste de felicidade e amor próprio, por que tudo que é próprio faz bem e não mal.
Olhe para o céu e admire a beleza que há entre vocês, enquanto você encara o céu o céu te encara com orgulho, por ser tão belo por dentro.
Erga teus braços e agradeça por ser tão único de um modo que jamais imaginou que poderia ser.
Navegue pelas tuas linhas e histórias, quem sabe até pelos retalhos que tanto despreza e joga de lado.
Pense comigo, do que adianta está rodeado, quando se sente vazio ? Esse vazio que te engole e consome, quanto mais o relógio denominado, mais você sente que tempo passa, você sente que o buraco no peito aumenta e te engole ? Quando você deveria está cheio das tuas conquistas, alegrias, erros e falhas, por que mesmo que uma tempestade se forme dentro de si, ainda pode escorrer pelo teus olhos e lavar não só a alma como todo seu ser, que entre tantas idas e vinda, você preferiu permanecer e enfrentar tudo com a cabeça erguida, de uma maneira que jamais imaginou.
Ainda assim, terá coisas que darão errado e nem por isso será o fim.
Talvez possa doer no início mais é como qualquer ferida que se origina de uma queda, dói no início, depois de algum tempo cria a casquinhas, coça e por fim cicatriza e toda vez que você olha, acaba lembrando daquele tombo, quem sabe até risadas poderoso ser ouvidas.
É tudo questão de saber em qual abismo cair primeiro, as vezes você pode beirar o abismo e olhar para dentro dele e simplesmente escolher não cair assim, como também poderemos desabar dentro dele e apenas desistir ou simplesmente florescer a partir dessa situação e não escrevo isso só para garotas ou garotos, e sim para todos que tenha sentimentos que nem sempre conseguem entender.
Somos o que chamamos de confusões ambulantes, com tendencias suicidas de ansiedade crônica, com uma pequena ponta de hipocondria em esperar dos outros o que você devia esperar de si mesmo. Nós acostumamos a colocar nossas expectativas nos outro, quando nos decepcionamos ficamos procurando motivos para saber onde erramos, sendo que o maior erro foi apostar a ficha no outro quando, você deveria apostar em si mesmo.

Respire, fundo. Acalme os seus pensamentos, pois, eu inda, não acabei.

Volte comigo no momento mais feliz que já teve na sua vida, aquele que te deixou com o coração palpitando, as mãos suando, as pupilas dilatadas, a cabeça com mil e um pensamentos e pesava em nada, tudo ao mesmo tempo, essa é a adrenalina que te move a querer algo, a desejar e a alcançar e quando você finalmente alcança, aparece outra coisa que te motiva a ir em frente, então, cair do penhasco de cabeça não é fraqueza, porque se continuou até depois do seu próprio limite é superação.
E naqueles momentos em que a tristeza te pegou desprevenido e a vida te deu uma bela rasteira, além de um tapa bem dado e ainda por cima te nocauteou e você pensou por um minuto que desabaria e que o peso dos céus estava sobre seus ombros, você está certo o céu desabou sobre si e com toda a força, entretanto, pense comigo você não pode ver o sol em um dia nublado e ainda assim tem esperança que ele dê as caras e te ilumine, esquente seu rosto e aqueça o vazio dentro de si?

Em uma noite sem estrelas, ainda podemos ver a lua e nem por isso desistimos de ver o brilho incessante das estrelas em alguma outra noite. Isso tudo não passa de um conjunto de ciclos, te empurrado a goela abaixo todos os dias, você de bom grado- ou nem tanto- suporta com todas as suas forças.
Os ciclos são necessários, o início e o fim de um ciclo, nada mais é que uma experiência bem vívida.

Beijos Doces de Uma Garota Amante de Sapatilhas de Ponta.

8 comentários em “Somos Feitos de Ciclos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s