Você podia ser a minha garota.

Você podia ser a minha garota.

A minha garota da música do Charles Brown Jr, que é maluca e ama os animais, que anda por aí adota todos os gatos, mesmo se eles forem iguais.

A minha garota que anda pela casa, escutando Tyga, se imaginando dentro de um videoclipe e rebolando a sua raba.

Eu faço cinema, e você sabe muito bem que poderia ser a protagonista do meu roteiro, você é cheia dos mistérios e devaneios.

Você é aquele episódio que eu nunca posso perder.
Eu estou sempre fazendo maratona das nossas lembranças.
Eu amo amar você.

Você me puxa sem perceber, me joga na adrenalina sem ao menos notar, meu sangue ferve contigo, quando você se foi tudo ficou a maior neblina.

Você voltou e eu sinto milhões de borboletas no meu estômago.
Contigo eu sou balão que voa para alturas e se esquece que existe chão.

Nas alturas contigo, me sinto como se eu estivesse pulando de paraquedas com você, eu não vou mentir, eu amo viver nessa aventura contigo.

No meio da chuva, no chão molhado eu peço e sonho pra que nunca mais eu lhe veja partir.
Porque quando você se foi eu perdi o controle do meu navio, me afoguei várias vezes nesse naufrágio.

Quando estou com você eu nunca sei se sou o que você sonhou, ou o que sempre quis.


Sinto inseguranças de uma garota que vive no colégio e quando acho que tenho certeza, me sinto presa dentro de um estágio, eu nunca sei o suficiente sobre nós.

Mas sei que você poderia ser a minha garota, porque você ama o meu universo.

Eu não sei o que pensar, eu não sei o que dizer, mas eu sei sentir e meus deus, como eu sinto.


Eu sinto tanto, que sinto muito. Eu amo tanto que dói.

Eu sinto que o seu sorriso e o brilho dos seus olhos, é como um arco-íris depois da chuva.

Com você eu poderia ir pra França e correria contigo no meio das plantações de uva.
Tomava um vinho e comia um queijo debaixo da chuva.
Eu aqui, louca pra te dar uns beijos.
Juntas poderíamos visitar a Torre Eiffel, pra mim você sempre foi a minha fiel.

Eu sou louca por você, por isso que eu desejo tanto que seja a minha garota.

A minha garota cheia de sonhos, que ama pão com ovo e um McDonald’s, mas não recusa um ovo com farinha e Coca-Cola.

Você podia ser a minha Garota, porque eu sou perdidamente apaixonada por você.
Não vejo a hora de lhe dizer: me namora?
E você dizer que: sim e finalmente ser a minha garota.


Que seja sua, minha.
Eu sempre fui sua.
Uma parte minha, só quer que a gente bata as asas e voe.
Voe com a liberdade.

Juntas seríamos as duas garotas, você minha, eu sua e nós dele, ele nosso.
Duas garotas rebolando a raba a noite inteira.
Ele e elas, com o baseado aceso e o som ligado e noite inteira pra se amar.
Que cena mais irada, me da calafrios só de imaginar.

Eu sou louca por você
Uma parte minha deseja que você seja a minha garota.
Que seja louca por mim, como sou por você.
Que me olhe como eu te olho.
Que me queira como eu te quero.
Que me beije como eu te beijo.
Que me ame como eu te amo.

Que me chame de sua garota, pra que um dia, quem sabe, você também seja a minha garota…

Sei lá, são apenas devaneios meus, sobre nós, que eu deixo nesse bloco de notas.


Minhas Luas, eu continuo por aqui, eu sei que estou ausente, ando com a vida de cabeça pra baixo e com a cabeça na lua, mas no meio dessa confusão, eu ando escrevendo e estou trabalhando em dois projeto surpresa, que em breve eu irei contar pra vocês.

Eu espero que perdoem a minha ausência aqui no blog, com os meus textos imensos cheio de conselhos e com as minhas confissões de sentimentos dentro de cada palavrinha escrita, mas no momento eu não consigo expor esses pensamentos e sentimentos, pois eu estou confusa com a minha vida, de novo, pra variar. (rsrsrs, rindo de nervoso).

Mas não fiquem tristes, eu sempre vou estar por aqui, as meninas também estão aqui pra vocês, eu não vou desistir, só estou agindo conforme o meu tempo, isso não é um aviso de: eu estou dando um tempo. Não, não é isso, eu no caso, só irei postar meus conteúdos de acordo com o meu tempo, da forma como me sinto. Então, pode ser que os posts fiquem variados e que tenha menos posts na semana, mas mesmo assim ainda esterei por aqui com vocês.

Obrigada por todo carinho, toda compreensão e por não desistirem de nós do Adolescência de Lua, amamos vocês!

Beijos da Mila!
Até a próxima, gratidão!