Ensaio Fotográfico no precinho com a tia Traca 💕

Oi gente, tudo bem?

Hoje eu vim falar sobre algo diferente. Bom, não sei se todo mundo sabe, mas eu sou uma fotógrafa amadora, que adora fazer ensaios (principalmente de meninas que adoram uma pose) e hoje eu vim aqui divulgar um pouquinho disso, pois essa semana estou com uma promoção bem legal e quero fechar a agenda o mais rápido possível.

Pois bem, eu trabalho com a marca Arteliê, e é no IG dela (@artelie_bt), que eu divulgo meus trabalhos.

A promoção é a seguinte:

1 ensaio (individual, casal, em grupo, não importa) de 2 horas por 50,00!

A intenção é fechar os 5 dias (segunda à sexta) da semana que vem, onde um dia já se encontra agendado.

Caso alguém tenha interesse, deixo aqui meus dados, me contatem! Vamos conversar, te mando o passo a passo e combinamos tudinho.

Facebook: Bianca Tracanella

Instagram: @tiatraca

Instagram profissional: @artelie_bt

WhatsApp: (11) 964282697

Bom, até a próxima escrita!

-TRACA.

Hoje eu não vim “poemar”.

Hoje não vim poemar, ou romantizar. Hoje eu não vim chorar. Hoje eu vim pedir pra você se olhar. Lá no espelho e se apaixonar. Hoje eu não falo de mim, nem dele ou dela. Hoje eu falo com você, que não se ama.
Eu falo com você que adora elogiar os outros, mas se nega esse prazer. Eu vim falar com você que preza amor e carinho e não se devolve um olhar, um momento pra você. Eu vim falar com você que cuida tanto de todo mundo, mas quando vai sair, olha para os lados e quer fugir, porque tem medo demais, não das pessoas, mas de como você tá para com elas. Eu vim falar da pessoa mais corajosa desse mundo, que abraça ele todo sempre que pode, mas nunca levantou a mão pra acariciar a mesma. Hoje eu vim falar com a guerreira, que se acha tão insuficiente, mas nunca parou pra pensar que só de levantar, você já ganhou o dia, eu sei. Eu vim falar pra você que você tá certa no que está pensando. Que não é fácil. Eu vim falar, meu bem, que você já lutou demais por quem tá do seu lado, tá na hora de você olhar pra dentro. Chega de segurar mágoa, chega de doer a alma, chega de brigar contigo, chega desse desamor… Que faz contigo! Chega de te rebaixar, tanta gente já vai tentar isso e eu digo com certeza: você será mais forte. Sempre. Olha pra trás, pensa comigo, quantas vezes você se sacaneou? Em quantas festas não foi? Quem não beijou? Quantas vezes deixou de confiar? Ou mesmo de conversar? POR QUE SE MACHUCAR?
Eu sei, é difícil, mas se você conseguiu e ainda consegue superar a si mesma, sua maior inimiga, meu bem, você conquista o mundo todo rapidinho.
Você merece mais.
Então seja mais.

Até a próxima escrita!

-TRACA.

“Um Lar Físico e um Lar Você”

Eu quero um lar com você. Eu quero viver intensamente. Pode ser assim, pequenininho, mas especial. Com nosso cheiro, nosso abajur escolhido no meio de uma briga entre amarelo e azul claro, nossas roupas no chão e a minha torrada queimada. Eu não ligo de esperar mais 5 anos, contando que nesses 5 anos, nós planejemos até a cor da privada. Eu quero um espaço onde eu possa vivenciar tudo que tem de melhor em mim, e isso só é possível com você.

Ah… Se eu fosse tentar tirar sozinha cada riso sincero que você já tirou de mim, eu estaria com dor nas bochechas. Se eu fosse tentar me aquecer como cada abraço seu me aquece, estaria dentro da fogueira. E se eu fosse tentar fazer cafuné como você faz, já teria gasto mais de 10.000 reais em massagistas!

Acontece que meu lar é você, já não tenho mais uma parte do coração, pois ele já se prendeu no seu e sinto muito, mas ele colou com super bonder e eu me recuso a tentar soltar. Você é tudo que eu preciso pra sonhar a noite inteira e um trailer desses é tudo que eu preciso pra nunca mais viver um dia sem sorrir.

Até a próxima escrita!

-TRACA.

“Só a Mim”

Se sol
Não sou
E mar, não é
Se só
Estou
Não sei
Qual é
Me vejo ali
Te quero aqui
Sinto muito
Tenho que ir
Pra longe daqui
E de você
Coração súplica
Amar ou temer
Te amei demais
Fiz tudo a mais
Mas fiz sozinha
Ausência me parte demais
Entre amar ou temer
Sussurro viver
Em paz, talvez
Cumprindo sonhos
Amando sim
Mas primeiramente
Só a mim

Até a próxima escrita!

-TRACA.

“O Pincel e a Faca”

Em desenhos eu vou pintar
Luzes
Tons de cinza
Vermelho do meu sangue
Rosa, meu coração
Despedaçado
Vai ficar
Com toda essa melação
De poesia
Não senhor
De dor e lamentação
Escamas, sempre perdidas
Em meio às multidão
Socorro
Vou pedir
Mas Ariel
Eu não sou
Sereias
Não existem
Deslocada, eu sou
Perdida
Vou ficar
Socorro
Não terei
Medo
Tentarei
A morte
Me renderei?

Apaixonada por arte e entusiasta da comunicação, eu sou a Traca.

Imagens tem direitos autorais: @Byanka G Nunes

Até a próxima escrita!

TRACA.

Qual o valor das fontes?

Olá, tudo bem com vocês?

Hoje vim falar com vocês sobre um assunto muito importante, mas pouco notável. São as fontes. Vamos lá:

As fontes são algo quase imperceptível para uma enorme parcela da população. Pessoas abrem as páginas do UOL com uma matéria como “greve dos caminhoneiros faz o Mercadinho São Vicente, do extremo sul de Santo Amaro, ficar sem 90% de suas mercadorias” e a partir disso, apontam o dedo para os caminhoneiros, assim como pessoas lêem uma publicados no Facebook com o tema “gatos fazem mal para crianças”, tiram os gatos de suas casas e segue tudo bem. Não é bem assim.

Existem diversos tipos de fontes: primárias, secundárias, a expert, tipo 1, tipo 2. Aqui, para vocês, eu serei sempre a secundária, que resumidamente, é a fonte que fala sobre algo, sem ser especialista (mas com essa intenção futuramente), sempre procurando as fontes primárias.

As fontes são algo de extrema importância, são elas quem verificam a veracidade de uma matéria e por isso devem ser lembradas sempre. É necessário saber sobre elas se você quiser ser alguém capaz de debater (e hoje em dia, eu acho que mesmo que você não queira, deveria saber debater), pois hoje existem as fake news, que pra quem não sabe, são as matérias falsas.

Para vocês terem noção do que eu tô falando, em 2016, as estatísticas de diversas matérias se baseavam em uma onda onde 39% à 45% das pessoas já compartilharam fake news. Repito: 2016. Esse ano, o professor diretor da USP, Edson Gomi, afirmou a existencia de robôs criados para disseminar informação na internet, lembrando que: um robô não pode ser julgado/preso, como um ser humano, ele mal pode ser julgado.

Um exemplo base: imagina você ler em um lugar que você considera uma “grande mídia”, que o aborto será legalizado. Você pega essa informação e posta no Facebook. Seu amigo compartilha, o amigo dele comenta que é mentira e o debate começa, até descobrirem que você estava errada(o). A humilhação pode ser tremenda, e eu não quero isso para vocês. Por isso, aqui, farei de tudo para colocar a veracidade de uma matéria em primeiro lugar, e com isso, espero que vocês (até mesmo pra me ajudar e se ajudarem) vão atrás das informações, não como jornalistas, mas como pessoas que merecem a verdade, independente do que a mídia fala ou do que sua vó te disse ontem. Esse é um espaço nosso, vamos crescer e aprende com ele, juntos, confirmando as informações, discordando, me dando a estatística atual do contexto, falando e opinando aquilo que quiserem, mas sempre com um embasamento oficial, não sendo mais um disseminador de fake news.

Até a próxima escrita!

-TRACA.